Superalimentos

Você já ouviu falar em superalimentos?

Este nome surgiu para se valorizar alimentos que (quando analisados) parecem possuir substâncias interessantes. Além de serem ricos em vitaminas e minerais, tais alimentos normalmente possuem fitoquímicos- substâncias que as plantas e alimentos vegetais produzem para se protegerem das agressões do meio ambiente e quando estes são ingeridos poderiam proteger nossas células.

Importante lembrar que nenhum alimento é” Super” se não for bom para o seu metabolismo. Cada vez mais nós nutricionistas buscamos ferramentas para avaliarmos qual a melhor alimentação pensando na individualidade bioquímica. Exames como Food detective IGG alimentar (rastreia sensibilidades almentares) e perfil genético- esclarece polimorfirmos e singularidades da genética de cada pessoa são ferramentas que nos auxiliam a montar um plano alimentar.

Por exemplo posso citar o gengibre que embora seja super antiinflamatório , riquíssimo em fitoquímicos é uma alimento que aparece muitas vezes como “alergênico” para algumas pessoas.

Fuja de modismos, não “exagere” em um alimento por achar que ele é milagroso. O equilíbrio sempre é a melhor opção!

Perceba seu metabolismo, normalmente sabemos quando um determinado alimento não nos faz muito bem!

Eu sou Bianca Innocencio, Nutricionista Funcional. Se quiser conversar comigo mem mande um email: biainnocencio@hotmail.com.br